Opções para internacionalizar WordPress

Marcjultrad (atualizado em 12/02/2017)

Implementar aplicativos de tradução de sites WordPress (dos menus, do conteúdo) pode ser difícil, dependendo do desejado. Por exemplo:

  • os recursos gratuitos de uma solução bastam?
  • é importante um recurso de edição manual das traduções?
  • há um determinado tema ou template que se deseja absolutamente usar?

Fatores assim podem tornar este processo bem mais sofrido do que o de instalação de um simples plugin de bate-papo, por exemplo.

Um bom procedimento é equacionar a questão da tradução desde o início, implementando ou  experimentando uma solução ou plugin passo a passo, intercalando o trabalho de produção dos textos na língua principal com o de tradução e publicação destes e em seguida testando pelo menos um pouco, ao invés de fazer o site todo em uma língua para depois ir pensar na versão para outras, que plugin usar e etc.

A tradução em si não está entre os principais problemas, mas sim a forma como o plugin funciona, como ele a exibe. O ideal é abordar os aspectos de internacionalização juntamente com as outras considerações iniciais de criação do site,  ou pelo menos em conjunto com as de design.

Fator muito importante a se ter em mente, principalmente em casos envolvendo imensos bancos de dados como acontece com os softwares de internacionalização, é que muitas vezes quando se clica sobre algum botão para salvar uma configuração as coisas não são instantâneas. Com frequência é preciso esperar algum tempo, logo, embora o WordPress seja ágil, rápido e seguro, uma atitude de paciência é fundamental.

Algo que foi configurado e habilitado pode não estar ocorrendo também por outras razões. Por exemplo, no caso do Polylang (mas talvez ocorra também com outros plugins), uma bandeira de país ou uma palavra por extenso em que se clicaria a fim de se navegar na outra língua disponível, podem não estar sendo exibidas porque embora tenham sido habilitadas e uma página tenha sido gerada, publicada e colocada sob um dos menus na dita outra língua, nenhum conteúdo foi inserido dentro dessa página, talvez porque o objetivo fosse apenas testar se funcionava.

Pois bem, é preciso colocar conteúdo, nem que seja apenas um “x”. Isto feito e salvo, a tal bandeira ou palavra, conforme a escolha configurada, aparecerão, e clicando sobre elas, se verá o menu na outra língua.

Baixar Polylang

Esta página em inglês (contém alguns links relevantes adicionais)